Armazén Bar - A tradicional casa do Rock'n Roll e do Blues em Bauru/SP - Pingas Próprias

foto_depoimentos

Depoimentos

O Armazén Bar, fez e faz história no cenário musical da região. Confira aqui o que aqueles que mais conhecem o bar têm para falar.


Conheça a história do Armazén Bar

Na Boca do Povo

Júlio (BLUES E D.E.R.I.V.A.D.O.S) (2003)

"Aos onze anos comecei a ouvir Elvis e depois de pouco tempo pirei".
O Made in Brazil embalou, com toda certeza, os roqueiros da minha geração (e continua a embalar as novas gerações, os caras não desistem!!).

Por aqui, ninguém embalou a gente tanto quanto o Armazén.
Vinte e um anos na noite... (agora o bar realmente é "de maior", né Valéria?)
Antes mesmo da onda roquenrol que assolou o Brasil na década de oitenta, o Arma já estava por aí. Nem tinha idade pra beber mas já acompanhava a moçada.

Me lembro da primeira vez: um grande corredor com algumas janelas. Mais quente do que é hoje. Daí, vocês que não conheceram o bar assim, podem imaginar...

Mas já era meu bar preferido. E eu sempre dizia: "Esse lugar vai longe..."
Na época o Paulão já usava sua indefectível pulseira. Já falava que isso ou aquilo não era o "esssquema do barrr"
Os anos se passaram (como disse uma vez um grande escorregador).
O bar cresceu. Melhorou. Mas o que importa: continua o bom e velho Arma.

Ponto de referência não só em Bauru.

Muita gente boa passou por lá nesses anos todos. Muita gente boa continua passando por lá.

A primeira vez que toquei no Arma estava com o ** na mão. Porra! Era o Arma!!!

Hoje me sinto mais em casa do que em casa.

Impossível acabar uma noite sozinho em uma mesa. Todos os caras continuam indo lá (Inclusive eu sempre achei que o Fernandão não vai pro Arma: ele mora no Arma. Embaixo do balcão ou coisa parecida.).

Estou enrolando porque não há muito o que se falar do bar: as pingas, o som, a decoração, a moçada que freqüenta (pelo menos três gerações), o sistema de ar-condicionado central, o Paulão, a Valéria, os garçons, o Nirtão, o Lemão... Tudo no lugar certo. Na realidade eu diria que, em um dia extremamente entediante, Deus disse: "Faça-se o Arma!" E fez-se o som.

Parabéns Armazén. Parabéns Paulão e Valéria.

E obrigado pelo Arma.

Confira outros depoimentos

  • logo patrocínio - RD Pilates
  • logo_patrocinio
  • logo_patrocinio

Copyright © 2008 - www.armazenbar.com.br
Rua Quintino Bocaiuva, 2-20 - Centro - 17017-290 - Bauru/SP Tel.: (14) 3226-2016
Horário de Funcionamento: Sextas, Sábados e Véspera de feriados - a partir das 23h
Desenvolvido por Freelabs